Ó Melindra

Ó Melindra

Ó Melindra, Ó Melindra (1)
Tristes nobas t’eu bou dar
Mataram-t’o teu filhinho
Ele andava a trabalhar.

Ele andava a trabalhar
Andava a ganhar dinheiro
Mataram-t’o teu filhinho
À sombra d’um amieiro.

Mataram-m’o meu filhinho
Quem me há-de ganhár o pão?
Mataram-m’o meu filhinho
Ao passar d’um áugueirão.